CARREGANDO

Busca

Encontro debate opções em rodovias

Redação O Garibaldense 10/06/2019
Cettolin (em pé), prefeito de Garibaldi e presidente da Famurs, organizou o evento na CIC / Geder Luis Gütler

Um encontro organizado pela Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) e pela Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne), na tarde desta segunda-feira, 10, debateu alternativas para a recuperação da malha rodoviária da região, especificamente, em se tratando das rodovias ERS-446, ERS-122, RSC-453 e VRS-813.

O encontro ocorreu na sede da Câmara de Indústria e Comércio (CIC), de Garibaldi, e trouxe três secretários de governo do Rio Grande do Sul: Juvir Costella, de Logística e Transportes; Claudio Gastal, de Governança e Gestão Estratégica; e Bruno Vanuzzi, da Secretaria Extraordinária de Parcerias.

Os secretários falaram sobre as futuras ações que o governo de Eduardo Leite pretende implementar, entre elas, nas rodovias gaúchas. Costela disse na reunião que o governador deve anunciar, ainda nesta semana, valores para investimentos na recuperação das vias, inclusive, na Serra.

Para o acesso ao bairro Tamandaré, Juvir Costela anunciou um pré-projeto técnico, já encaminhado ao prefeito Antonio Cettolin. Para sair do papel, no entanto, Costela disse que serão necessárias audiências públicas e um estudo mais aprofundado das condições do local.

 Para a manutenção das rodovias serranas, o presidente da Amesne e prefeito de Bento Gonçalves, Guilherme Pasin, defendeu a concessão (pedágio) que englobaria a ERS-446, ERS-122, RSC-453 e VRS-813 a partir do município de São Vendelino. Caso seja aprovada essa proposta, o governo gaúcho pretende privatizar essas rodovias a partir de 2021.

Outras notícias

Clima e temperatura

 

Online O Garibaldense

O primeiro jornal de Garibaldi

Colunas populares
Curta nossa página